Skip to content

Falando sobre Stress…

01/09/2009

O que é o stress?

Stress é uma reação biológica do organismo, onde uma estratégia de defesa ocorre quando o indivíduo precisa lidar com situações que exijam um grande esforço emocional ou físico.

Então o stress pode ser bom?

Sim, pois é ele que desencadeia a reação de “luta ou fuga”: os pelos se arrepiam, o coração dispara, o sangue irriga os músculos, os sentidos ficam mais aguçados e o organismo se prepara recebendo vários componentes químicos para ajudá-lo a enfrentar um momento específico.

Isto acontece desde os tempos dos homens das cavernas que, diante de um perigo, se energiza através da produção da adrenalina que o impulsiona a tomar atitudes para que sua sobrevivência seja preservada.
 
Quando o stress passa a ser prejudicial?

Quando não conseguimos lidar com uma situação e voltar a homeostase (equilíbrio). Quanto mais a situação durar ou quanto mais grave ela for, mais estressada a pessoa pode ficar. Podendo chegar até a depressão.

Quem é o maior prejudicado pelo stress?

O stress pode atingir qualquer pessoa, até mesmo as crianças. Pois mesmo os mais fortes estão sujeitos a um excesso de fatores estressantes que ultrapassam sua capacidade física e emocional.

Como lidar com o stress?

Há meios de se aprender a lidar com o stress de modo que mesmo nos piores momentos o organismo não entre em colapso.

 

É importante ficarmos atentos se este stress está sendo causado por problemas externos (acontecimentos do dia-a-dia) ou internos (ansiedade, pessimismo, padrões de comportamento, pensamentos disfuncionais), tentando entender e procurar saídas para lidar com o momento em que se encontra e voltar ao equilíbrio.

Algumas dicas importantes que ajudam a ativar o sistema nervoso autônomo, avisando ao cérebro que o indivíduo não está em perigo, portanto o stress pode cessar:

– Fazer exercícios físicos para liberação de hormônios.

– Respiração diafragmática.

– Cuidar da alimentação, procurando comer coisas saudáveis e em horários adequados.

– Relaxamento ou meditação.

Procure organizar momentos, mesmo que curtos, para que você possa fazer o que gosta, o que lhe dá prazer.

Como o psicólogo pode ajudar?

O psicólogo proporciona estratégias de enfrentamento, onde cada indivíduo aprenderá a lidar de forma consciente com seu modo de ser diante das dificuldades.

Ao analisar o comportamento, a emoção e o pensamento do indivíduo, o psicólogo ajuda-o a criar mecanismos onde será possível entrar e sair do stress, utilizando-o a seu favor. Técnicas de relaxamento e de respiração também são muito utilizadas.

Uma técnica muito eficaz é a reestruturação cognitiva (reestruturação do pensamento) que tem o objetivo de reformular as cognições que possam estar criando dificuldades, utilizando mecanismos para lidar com as vulnerabilidades geradoras de stress.

Patrícia Mantovani e Flávio Mesquita

 

 

Se quiser mais informação entre em contato pelo e-mail :  contato@psicologiacomportamental.net

ou acesse o comentários logo abaixo e deixe sua dúvida, contribuição ou proposta para outros temas.

Anúncios
6 Comentários leave one →
  1. Maria Eunice Landy permalink
    06/12/2011 23:25

    Não sei como lidar com o meu caso de stress, estafa ou depressão, não sei bem.
    O coração dispara, a pressão também, a pressão arteial só baixa com calmantes,
    estou sem poder retornar ao trabalho há seis meses, nunca fiquei ausente
    do trabalho é a primeira vez e isto está me deixando triste, pois já tentei retornar
    duas vezes, e nas duas a pressão arteial subiu, tomei remédio e nada. Só baixou
    quando cheguei em casa.

    • Patrícia Mantovani permalink*
      07/12/2011 09:41

      Olá Maria Eunice, vc precisa de um tratamento psicológico além do medicamentoso. A psicologia pode lhe ajudar e muito, a sair deste quadro. Procure um psicólogo. Boa sorte!!! Abços

  2. Mauro P. de Mesquita permalink
    06/10/2009 17:58

    Este artigo me trouxe luz a respeito do que seja STRESS. Vejo que eu empregava o termo erroneamente, assim como muitas das pessoas com quem lido e lidava
    Pois, em várias ocasiões, experimentei os tais momentos de pressão, medo e necessidade de reagir. E acabei por suplantar estes tais momentos. Mas agora entendo que eu não estava stressado, como me julgavam, os que presenciaram o ocorrido.
    Se entendi bem, o stress foi devidamente usado no momento adequado, em minha defesa.
    Será que que entendi corretamente?
    Agradeceria seus valiosos comentários e expplicações.
    Aproveito para agradecer e parabenizá-los pelos excelentes artigos com que nos brindam.
    Mauro

    • Patrícia Mantovani permalink*
      07/10/2009 20:42

      Olá Mauro, sim, realmente esse stress é o positivo, onde as reações químicas, físicas e emocionais são usadas para lidar com estados de tensões (bons ou ruins), onde exijam um esforço para adaptação ou resolução de alguns acontecimentos. É quando produzimos adrenalina e ficamos cheios de energia e vigor. Depois de resolvida a situação, seu corpo volta ao equilíbrio (homeostase). Esse é o grande desafio e a grande sabedoria… nos conhecermos a ponto de utilizar o stress a nosso favor e saber voltar ao equilíbrio o mais rápido possível.
      Porém, quando o evento estressor é forte demais ou se prolonga demasiadamente de forma a dificultar a adaptação em situações geradoras de stress/desequilíbrio, o organismo passa a ficar exaurido pelo excesso de adrenalina, cortisol entre outros componentes químicos liberados pelo nosso organismo, que em grandes quantidades prejudicam nosso corpo. Neste momento o stress transforma-se em negativo, pois passa a prejudicar, enfraquecendo sua resistência física (deixando-o mais vulnerável as doenças) e mental (podendo chegar à depressão). Neste ponto, o indivíduo precisa de ajuda profissional para voltar a uma vida saudável.
      Espero ter esclarecido um pouco mais…
      Qualquer dúvida volte a escrever. Estamos a disposição.
      Um abraço

  3. maria helena de barros permalink
    06/09/2009 14:47

    Ótimo artigo. É de grande utilidade para pessoas estressadas, mas que não sabem quando estão ou não sabem como sair da situação. Parabéns !

    • Psicologia Cognitivo Comportamental permalink*
      06/09/2009 21:18

      Olá Maria Helena, obrigado por sua participação !

      Nossa intenção é justamente essa … ajudar a que as pessoas estejam cada vez mais capacitadas a se entender, se desenvolver e, quando necessário, buscar ajuda para superar questões importantes em sua vida. Continue nos acompanhando !

      Abç

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: